Comente

Erótico (Por Nina G)

Era a primeira vez que a gente se encontrava.

Estávamos na casa deles.

Os três tomando cerveja apoiados no balcão que separava a sala de estar da cozinha.

Completamente pelados.

Havia uma atmosfera meio surreal, como que encoberta de névoa, do tipo que só se vê em sonhos – ou quando se bebe muito ou toma alguma droga…

Mas na hora aquilo parecia muito normal.

Ele se sentou num dos bancos altos, em torno do balcão.

Acariciava seu pau com extrema deferência. Concentrado, nem acompanhava a nossa conversa, que girava em torno das amenidades de sempre.

Até que ele levantou a cabeça e me olhou:

“Vem cá” – disse, dando tapinhas com a mão no banco, e aprumando o corpo para que eu pudesse sentar na pontinha, entre as suas pernas.

Cheguei minhas costas bem pra trás e rocei a bunda no seu pau duro ao sentar.

A sensação foi ótima.

Ele passou seus braços em torno da minha cintura e me tocou suavemente com a ponta dos dedos.

“Ela tá bem à vontade com a gente, boceta toda melada” – disse para a sua mulher, que sorriu meio encabulada, baixou os olhos e deu um gole na sua cerveja.

Também dei um gole na minha.

Depois virei meu rosto pra trás.

Beijei a boca dele.

“Crava esse dedo bem fundo” – falei, perto do seu ouvido.

Gemi.

Aconteceu ontem à noite.
Não foi sonho.

16/05/2017

Nina G

Nina tem 40 e poucos anos e é separada. Atualmente dedica boa parte do seu tempo a se divertir, acumular novas experiências e escrever sobre isso.

2 comentários em “Erótico (Por Nina G)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

* Você pode usar tags e atributos do HTML.

O E-mail é opcional.