Comente

Era uma vez o sexo…

É mais fácil falar sobre qualquer outra coisa que não seja sexo. A verdade é que simplesmente preferimos ignorar o tema a lidar com ele! Por que o sexo é tão carregado de significados?

Na Antiguidade, sexo era considerado algo divino. Acredita-se que Aton, o deus egípcio do Sol, masturbava-se para criar o mundo. Dessa prática teriam nascido o deus Shu e a deusa Tefnut, tornando impossível que se visse sexo como algo pecaminoso ou imoral. Além disso, Afrodite, a deusa grega do sexo e do amor, teria surgido da espuma do sêmen do seu pai castrado. Ou seja, lendas e mitos faziam com que as pessoas vissem o sexo de forma bem mais natural do que hoje.

O falo era considerado um talismã, presente em objetos de arte e símbolos. Os romanos decoravam palácios com pênis em grandes murais e esculturas. Para onde você olhasse havia um falo para lembrar a sua importância na construção do universo. A comparação com a atualidade chega a ser surreal: quando rola nu frontal masculino na arte ou no cinema, vira pauta de discussão. Jamais houve uma cultura que idealizasse a figura do falo desta maneira. Hoje essa idealização é feita de forma inconsciente ou totalmente velada.

Após o período das civilizações arcaicas — excluindo-se os pequenos grupos que fazem parte de culturas remotas e conseguiram manter-se intocados por mais tempo —, a história se repetiu, oscilando entre períodos de liberdade sexual e repressão. É mesmo a história o nosso maior recurso para entender o que é sexo, uma vez que, de tempos em tempos, ela se repete.

Tatiana Presser

Psicóloga & Sexpert

2 comentários em “Era uma vez o sexo…

  • Eu A-DO–RO sexo!!!… Se pudesse eu ficava tipo o filme Calígula, sempre deitado com mulheres em volta passando a mão em peitos, bundas, etc… Se minha mulher fica a fim a gente faz quase diariamente… Já fizemos mais, mas o tempo e a idade vão adormecendo o tesão… Mas no caso o dela, pois eu tô sempre a fim… Ela gosta de gozar, mas tem aquele ritmo de quem trabalha fora, etc… E, modéstia a parte, eu aprendi onde e como uma mulher gosta de ser tocada…

    Responda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

* Você pode usar tags e atributos do HTML.

O E-mail é opcional.